Sucesso na Venda de Empresas - 5 Passos para Maximizar o Sucesso
99
post-template-default,single,single-post,postid-99,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive
 

Sucesso na Venda de Empresas – 5 Passos Para o Garantir

Sucesso na Venda de Empresas – 5 Passos Para o Garantir

Sucesso na Venda de Empresas, 5 Passos Essenciais Para o Garantir

O processo de venda de empresas, é, por natureza, um processo complexo e com desfecho incerto, mas todos lutamos para o sucesso na venda de empresas.

Maximizar as probabilidades de sucesso na venda de empresas implica, por vezes, preparar a empresa para a venda, com uma antecipação de 2 a 3 anos em relação ao timing previsto para um contacto com investidores.
Se tem a intenção de alienar as participações sociais na sua empresa, fique a par de um conjunto de aspetos a ter em conta e que lhe permitirão maximizar as probabilidades de sucesso na venda de empresas:

  1. Organizar as contas

Uma auditoria às contas da empresa (due diligence) será com toda a certeza uma das fases do processo de venda, por exigência do comprador. Qualquer surpresa desagradável numa fase avançada do processo poderá inviabilizar a operação e deitar por terra o esforço de meses de trabalho e preparação. Na melhor das hipóteses, pelo menos trará um impacto negativo ao valor recebido com a transação. É, por isso, fundamental realizar uma auditoria financeira e corrigir proativamente qualquer ocorrência menos rigorosa ou transparente. Este passo é vital para o sucesso na venda de empresas.

  1. Focalizar no lucro operacional

Por muito que possa parecer que o crescimento de vendas nesta fase será favorável para a operação, na generalidade das atividades o comprador estará mais interessado nos resultados gerados pela empresa (em particular o EBITDA, ou seja, o resultado antes de depreciações, gastos de financiamento e impostos) ou no cash-flow. Assim, forçar o crescimento de vendas em prejuízo das margens ou das condições de recebimento poderá revelar-se contraproducente. A fim de tentar garantir o sucesso na venda de empresas, o foco no lucro, cash-flow e na eficiência produtiva serão mais aconselháveis.

  1. Resolver potenciais problemas

Processos jurídicos, questões fiscais, contrariedades com regulamentação ou licenciamentos, problemas laborais e outros são situações às quais todas as empresas poderão vir a estar expostas. Algumas destas situações podem ser resolvidas antes de se iniciar um processo negocial. Nesses casos, deverão ser atacadas urgentemente, dado que a presença destes casos prejudica o sucesso na venda de empresas. Nos casos em que tal não seja possível, é imperativo que o vendedor seja absolutamente transparente, identificando o foco de risco e as consequências potenciais.

  1. Identificar opções de crescimento

Nenhum investidor está interessado em comprar o passado da empresa. O seu retorno virá do percurso futuro desta. Assim, é fundamental que ele perceba que existe um potencial concreto à disposição da empresa, como por exemplo:

  • novas tecnologias,
  • novos produtos,
  • novos mercados, etc..

Isso irá contribuir para a valorização da empresa e para melhorar a posição negocial do vendedor e aumentar a probabilidade do sucesso na venda de empresas. Contudo, é preciso ser consequente: se o potencial de crescimento é real, é de esperar que a empresa já esteja a trabalhar nessa direção.

  1. Construir um Plano de Negócios sólido

Sendo clara a viabilidade futura da empresa e as opções estratégicas que se apresentam ao futuro proprietário, é fundamental colocá-las num documento cuidadosamente estruturado e que comunique de forma eficaz. Este documento terá de incluir a caracterização do negócio e de todos os fatores críticos para o desempenho futuro, nomeadamente os recursos humanos, carteira de clientes, tendências do mercado e do setor, entre outros. É essencial para o sucesso na venda de empresas a inclusão de um plano financeiro rigoroso para um horizonte de 3 a 5 anos, que quantifique a estratégia apontada. Além de informar o potencial comprador, esta clarificação do futuro da empresa será também determinante na troca de argumentos aquando da negociação de preço e condições de venda, em defesa da empresa e do empresário vendedor.

Se está a pensar em vender a sua empresa, entre em contacto connosco através do nosso site ou e-mail: info@hmbo.pt

No Comments

Post A Comment